Luzes - Retoque com Touca de Silicone!!!

Olá meninas!!!

Hoje vou mostrar como fiz o retoque da raiz do meu cabelo com luzes.

Mas primeiro vou contar porque o cabelo estava "alaranjado"...

Meu cabelo estava na cor que amo: louro acinzentado com mechas na cor mel, estilo Ombré Hair. Mas algum shampoo ou máscara de tratamento que usei deixou o cabelo "amarelo gema"! Eis que, desesperada, a Loka (euzinha) passou a tintura 7.1 da Nutrisse... Aí ferrou tudo de jeito!

Meu cabelo começou a ficar alaranjado! Cada vez mais laranja!! Até que puxou para a cor cobre!!! Aí o desespero começou a me dominar...!

Na tentativa de acertar a cor do cabelo, encontrei várias dicas de blogueiras (cabeleireiras) que passaram a tintura da cor natural do cabelo e depois puxaram as luzes de novo.

Tomei coragem e lá fui eu de novo. Comprei a Coloração Majirel L'Oreal, Cor 6.1 (cor natural do meu cabelo) e passei seguindo as orientações da embalagem... e... voilà!!!
Meu cabelo ficou igual à cor prometida no padrão de cores da marca! Então parti para o segundo passo: fazer as luzes novamente.

O cabelo, que já estava ressecado, ficou ainda mais seco depois das luzes, mesmo com cauterização e selante térmico que fiz nas semanas seguintes, com pausa de 15 dias cada. Não resolveu. Os fios continuaram a se partir.
No primeiro mês a cor ficou legal, mas passadas as lavagens, mesmo tonalizando, ele sempre voltava na cor "alaranjada". Não sabia mais o que fazer para tirar esse tom "acobreado" das madeixas.

Então resolvi pesquisar mais a respeito e descobri que a tintura vai desbotando, resultando que a coloração vai ficando "acobreada". Só que no meu caso foi além: ficou um "marrom alaranjado"! Afff...! Horrível era pouco!!

Nessa situação decidi dar um tempo de três meses na coloração, só hidratando o cabelo e usando shampoo desamarelador (que só resolvia o problema até a próxima lavagem).

Passados três meses, lá vou eu de novo fazer uma nova tentativa...

Lendo mais algumas matérias sobre o assunto, descobri que quando se faz descoloração dos fios, ou procedimentos que podem danificar muito os mesmos, o ideal é fazer uma reconstrução capilar. Depois de muita pesquisa cheguei em um produto da S'Oller Brasil e comprei a linha Resistance Faultless Seal. Até o momento posso dizer que resolveu meu problema (posteriormente farei uma resenha sobre minhas impressões a respeito do produto).

E, sem mais papo furado, vamos aos acessórios utilizados para fazer as luzes:

luzes supermeches

Utilizei: Capa para tintura, pote plástico, pincel, touca de silicone com regulagem da AK Acessórios, água oxigenada 30 volumes e Keraton Prata.

A sequência de fotos abaixo mostra o antes, o durante e o depois. As fotos não ficaram muito boas por causa da iluminação do ambiente, mas dá para se perceber o avermelhado de antes, que sumiu graças a Deus!!!



luzes mechas


Descrição do que fiz em meu cabelo:

Na foto se pode ver que eu estava com dois dedos de raiz natural. Os fios foram puxados na touca utilizando o método "um furo sim, outro não". Depois de tudo puxado, verifiquei se não havia um espaço muito grande entre as linhas, para puxar mais algumas mechas, intercalando os espaços, para que não ficassem espaços vazios.
Fiz a mistura do pó descolorante da Alfaparf Supermeches+ (na minha humilde opinião foi o melhor pó descolorante que já usei), com a água oxigenada volume 30 da Yamá. Deixei a mistura bem cremosa, para evitar que escorresse nos furos da touca.

Apliquei primeiro na raiz das mechas e aguardei 15 minutos. Fiz outra mistura de Ox + Pó descolorante para passar no restante das mechas e reforcei um pouco mais na raiz. Aguardei mais 15 minutos. Como meu cabelo é fino e abre fácil o tom louro, não precisei ficar mais que 30 minutos no total.
Lavei as mechas com água até sair todo o descolorante. Depois lavei com shampoo neutro, tirei o excesso de água com uma toalha e passei o Tonalizante Keraton Prata. Deixei agir até chegar no tom que gosto: bem "acinzentado"! Isso levou mais ou menos três minutos, pois o cabelo ficou bem loirinho com a descoloração, o que ajudou o tempo de ação do tonalizante ser menor.
Novamente lavei com água até a completa remoção do tonalizante. Passei um creme hidratante comum só para facilitar a remoção da touca.
Depois de enxaguar o creme, comecei o processo de reconstrução com os produtos da S'Oller Brasil, seguindo todas as instruções dadas pelo fabricante (que postarei depois, passo a passo).
E as duas fotos (acima) mostram o resultado final: cabelo louro acinzentado e alinhado! Realmente a reconstrução fez muita diferença, pois não quebrou o cabelo e ele ficou maleável e sem frizz.

Acho que não esqueci de nenhum detalhe.

Se vocês tiverem alguma dúvida, deixem uma mensagem nos comentários!!!

Um grande abraço! Beijos!!!


Nenhum comentário:

Postar um comentário